Início Comunicação Social Papa apela à libertação de sacerdote salesiano sequestrado no Iémen

Papa apela à libertação de sacerdote salesiano sequestrado no Iémen

48
0
Pope Francis delivers his speech during an audience with Italian Carabinieri paramilitary police in St. Peter's Square at the Vatican, Friday, June 6, 2014.

Padre Tom Uzhunnalil foi capturado durante ataque que matou quatro missionárias.

O Papa apelou à libertação do padre Tom Uzhunnali, sequestrado durante um assalto à residência das Missionárias da Caridade em Áden, no Iémen.

O religioso salesiano encontra-se desaparecido desde 4 de março e tem havido notícias contraditórias sobre o seu paradeiro.

“Na esperança que nos é dada por Cristo ressuscitado, renovo o meu apelo pela libertação de todas as pessoas sequestradas em zonas de conflito armado. Em particular, desejo lembrar o sacerdote Tom Uzhunnali”, disse Francisco, após a recitação da oração do ‘Regina Caeli’, no último domingo, 10 de abril.

O assalto de um comando jihadista à residência e asilo geridos pelas Missionárias da Caridade, congregação fundada pela Beata Teresa de Calcutá, provocou a morte de 16 pessoas e o sequestro do sacerdote salesiano, de 56 anos, cujo paradeiro é desconhecido.

Logo após o ataque terrorista, o Papa Francisco enviou uma mensagem de condolências e condenou este “ato de violência sem sentido e diabólica”.

As quatro religiosas mortas eram naturais da Índia, Quénia e Ruanda.

Agência Ecclesia