Início Pastoral Juvenil Vocacional Equipe de pastoral produz campanha vocacional direcionada a redes sociais

Equipe de pastoral produz campanha vocacional direcionada a redes sociais

53
0

Nesta semana começaram as gravações de podcasts vocacionais – o Boscocast – nos estúdios do Labcom da UCDB em Campo Grande. A intenção é repetir o modelo realizado com sucesso no ano passado, quando quatro episódios do ‘Boscocast’, produzido em áudio e vídeo, apresentaram as vocações salesianas e as fases formativas da caminhada vocacional. Mas esta é apenas uma parte da campanha deste ano, concentrada no mês das vocações – agosto, que traz a novidade de adaptar a mensagem vocacional à linguagem das redes sociais.

As postagens tradicionais nos “Feeds” do Instagram e Facebook passam por um incremento testemunhal com a associação da imagem dos salesianos da Inspetoria de Campo Grande no exercício do ministério religioso. A novidade é que esses testemunhos passam a ser trabalhados em vídeos, tanto em “Reels” como “Stories”, em que serão destacadas as dimensões humana e espiritual do chamado de Deus à vida religiosa.

A mensagem vocacional durante a campanha está personalizada na figura de alguns salesianos que terão suas atividades registradas em vídeos para uma série nominada “dia-a-dia salesiano”. A ideia é mostrar como vivem e trabalham os salesianos que se consagraram a Deus há poucos ou há muitos anos, expressando a alegria da vida religiosa dentro do carisma ensinado por Dom Bosco, na dedicação total da vida em favor dos jovens.

O tema da Campanha é “Dizer sim a Deus vale a pena”, que tem como objetivo apresentar a mensagem de que a resposta ao chamado de Deus é humanamente realizadora e geradora de felicidade. A partir daí, encontrar jovens que tenham sentido o chamado de Deus a segui-lo mais de perto e manifestem a intenção de iniciar um processo de discernimento vocacional junto à Congregação Salesiana.

Para o delegado inspetorial da pastoral juvenil vocacional, P. Wagner Galvão, o trabalho nas redes sociais é uma necessidade dos dias atuais, uma vez que é lá que os jovens passam grande parte do dia e é nesse mundo virtual que têm ocorrido as principais interações humanas nos últimos anos. “O salesiano tem que estar onde estão os jovens. Nosso reitor-mor já nos alertava há mais de 10 anos que as redes sociais são o novo pátio onde os salesianos precisam acompanhar os jovens. Nossa equipe leva isso muito a sério e estudou bastante para poder trabalhar o tema das vocações com propriedade nas redes sociais”, afirmou.