Início Comunicação Social “Aceito o novo serviço na Igreja sem o ter procurado ou desejado”

“Aceito o novo serviço na Igreja sem o ter procurado ou desejado”

Reitor-Mor revela como a Congregação Salesiana se organizará diante da situação inédita que se criou com sua nomeação a Cardeal.

255
0
Dom Ángel Fernandez Artime vai ficar mais um ano à frente da Congregação Salesiana, após ser nomeado cardeal. Foto: SDB.org

Diante do anúncio inesperado do Papa Francisco sobre a nomeação como Cardeal de Dom Ángel Fernández Artime, Reitor-Mor da Congregação Salesiana, o próprio Reitor-Mor escreveu uma carta aos Salesianos e à Família Salesiana, para compartilhar como será o futuro próximo no governo da Congregação. “Aceito o novo serviço na Igreja sem o ter procurado ou desejado”, afirmou Dom Ángel.

O Reitor-Mor revela como a Congregação Salesiana se organizará diante da situação inédita que se criou com sua nomeação como Cardeal. Dom Ángel começa destacando que a notícia foi algo totalmente inesperada e que a recebeu “na fé”, como “um presente que o Papa Francisco nos deu como Congregação Salesiana e como Família de Dom Bosco”. . É uma amostra, segundo o Reitor-Mor, “do quanto o Papa nos ama e da mesma forma o Papa Francisco sabe o quanto todos nós o amamos e como o apoiamos, na medida do possível, com a nossa oração e o nosso carinho”, escreveu.

Dom Ángel revela que, pouco depois de saber que se tornará cardeal em 30 de setembro, recebeu uma carta do Papa na qual o convidava para um encontro pessoal para “acordar os tempos necessários em meu serviço como Reitor-Mor para o bem , antes de tudo, da Congregação”. E que esta situação é algo inédito na vida da Congregação.

O Superior Geral, Reitor-Mor na terminologia salesiana, é eleito por um Capítulo Geral que se celebra a cada 6 anos. Esse Capítulo é constituído por todos os Inspetores Salesianos e representantes eleitos de cada uma das Inspetorias. O mandato do atual Reitor-Mor ainda tem mais 3 anos, e para apresentá-lo é necessária a permissão da Santa Sé.

Assim, e dada a novidade desta situação, o Santo Padre, na conversa mantida com o Reitor-Mor, estabeleceu que Dom Ángel continue como Reitor-Mor, e também como Cardeal, por um ano. Ele convocará um Capítulo Geral, que será celebrado em fevereiro de 2025 e no qual será eleito um novo Reitor-Mor, e apresentará sua renúncia ao governo da Congregação em 31 de julho de 2024. A partir desse momento, será o atual Vigário Geral, o italiano P. Stefano Martoglio, que assumirá as funções de Superior Geral.

O Reitor-Mor afirma em sua declaração que, quando sua renúncia se tornar efetiva, assumirá “o serviço que o Santo Padre lhe confia”. E pede aos Salesianos e à Família Salesiana que intensifiquem suas orações pelo Papa e por si mesmo “em vista do novo serviço na Igreja que, como filho de Dom Bosco, aceito em obediência, sem tê-lo procurado ou desejado. “