Início Comunicação Social Conselho Nacional AJS e CN da Pastoral da Juventude aprofundam documentos do...

Conselho Nacional AJS e CN da Pastoral da Juventude aprofundam documentos do magistério do Papa Francisco

44
0

O Encontro da Comissão Nacional da Pastoral Juvenil com os Salesianos de Dom Bosco e Filhas de Maria Auxiliadora do Brasil, juntamente com a Comissão Nacional da AJS aconteceu no sábado e domingo (02 e 03/10) por via remota. A assessoria do encontro foi feita pelo bispo auxiliar da arquidiocese de Belém do Pará, Dom Antônio Assis Ribeiro, salesiano de Dom Bosco da Inspetoria de Manaus.

O magistério do Papa Francisco e a Pastoral Juvenil Salesiana foi o tema da apresentação feita aos 18 participantes do encontro. Após a definição do magistério pontifício, o bispo salesiano descreveu cada um dos principais documentos papais dos últimos 8 anos, destacando os trabalhos de criação da Jornada Mundial dos Pobres, o Pacto Educativo Global, que é um mutirão do mundo pela educação, a “economia de Francisco”, numa mudança da lógica capitalista e a Assembleia Eclesial Latino Americana, sobre a sinodalidade eclesial.

Em um segundo momento, Dom Antônio entrelaçou o magistério do Papa Francisco com a Pastoral Juvenil Salesiana, trazendo para a linguagem salesiana, as cartas encíclicas, a Lumen Fidei, de 2013, Evangelii Gaudium, Laudato Si, Misericordiae Vultus e, principalmente, a Amoris Laetitia, que é a grande cartilha da educação das famílias do mundo de hoje. Todos os documentos foram tratados à luz do “Evangelho Salesiano”, que é o pátio, a presença ativa e amiga, porque os salesianos são chamados por Dom Bosco como educadores e pastores.

O fechamento da apresentação se deu com o resgate da Exortação Apostólica pós-sinodal Christus Vivit, que é o documento do sínodo dos jovens. Depois de toda a apresentação de Dom Antônio houve uma partilha entre os salesianos, as filhas de Maria Auxiliadora e os jovens referentes da AJS.

O encontro também marcou a despedida da Ir. Ivone Ranghetti como delegada inspetorial das Filhas de Maria Auxiliadora para a Pastoral da Juventude. A função passa a ser ocupada pela Ir. Nádia Caetano, que também participou da reunião. Pela Inspetoria de Campo Grande, participaram da reunião o padre Wagner Galvão, Delegado Inspetorial da Pastoral Juvenil Vocacional e o jovem Matheus Nunes de Almeida, referente da AJS para a Inspetoria de Campo Grande.

 

Euclides Fernandes

DRT/MS 55/02