Início Instituição de Ensino Superior UniSALESIANO ganha capela com artes sacras do capixaba Romolo Picoli Ronchetti

UniSALESIANO ganha capela com artes sacras do capixaba Romolo Picoli Ronchetti

60
0

Para o artista, a Arte Litúrgica exige uma proximidade e uma familiaridade com as próprias fontes da liturgia

A nova capela do UniSALESIANO, que será instalada na entrada principal do prédio, conta com obras do artista sacro, Romolo Picoli Ronchetti. Na última semana, o capixaba, que cresceu dentro de uma família católica, dedicou seu tempo à pintura de três artes litúrgicas: Jesus Cristo, Maria e José.

Segundo o artista, propor um espaço onde a beleza convida à comunhão é como abrir as portas de um oásis em um deserto árido e devastador.

“Desejo, profundamente, que a Capela do UniSALESIANO seja um espaço de encontro e paz, para os que creem e também para aqueles que não creem. Entendo que a linguagem da beleza e do amor gera toda a Comunhão, e é a única capaz de tocar o coração do ser humano e lembrá-lo que, tudo o que é feito com amor, permanece para sempre. O resto passa, é destruído e fadado ao esquecimento”, salientou Ronchetti.

As obras do artista sacro estão presentes em diversas Igrejas do Brasil, e também em outros países, como França e Estados Unidos. De acordo com Ronchetti, já são 16 anos de dedicação e muito aprendizado. “Produzir arte para a liturgia, hoje, significa ser como os enviados por Moisés à Terra Prometida (cf. Números 13): só se pode dizer o que há nela se realmente entrou nela”, completou.

Para ele, a Arte Litúrgica exige uma proximidade e uma familiaridade com as próprias fontes da liturgia. “É preciso conhecer e frequentar a Sagrada Escritura, os textos dos padres da Igreja, estar atento às indicações do magistério nos livros litúrgicos e, principalmente, celebrar a liturgia”, disse.

Pró-Reitor de Pastoral, Pe. Paulo Jácomo, foi quem convidou o artista sacro para realizar a obra. Padre Paulo lembrou que a arte faz parte da liturgia. Um espaço dedicado à oração, trabalhado com arte, eleva o espírito de quem reza. A arte litúrgica facilita a abertura da pessoa orante ao Transcendente para além do espaço e do tempo.

“Nós precisamos da oportunidade de contemplar a arte na liturgia. E no espaço educativo universitário, no qual estamos inseridos, todos precisamos ter a possibilidade do encontro com a arte que ajuda a rezar. Os olhos do corpo aguçam os ‘olhos da alma’ ao encontro com a beleza de Deus que habita também no imaginário humano”, contou o padre.

O Pró-Reitor citou, ainda, Dionísio, o aeropagita (século V), que dizia: “A Verdade, o Bem e a Beleza são três lâmpadas de fogo e uma não vive sem a outra”. “Deus é a Beleza. Considerar a arte na liturgia é contemplar Aquele que é a fonte da nossa vida. Não podemos nos esquecer que o UniSALESIANO, esta Instituição que educa e prepara para a vida, é também uma casa que evangeliza”, concluiu.

Monique Bueno
Jornalista