Início Missões Indígenas Salesianos e Xavantes homenageiam Mestre Adalbert Heide em Sangradouro

Salesianos e Xavantes homenageiam Mestre Adalbert Heide em Sangradouro

326
0
P. Amércio preside a Santa Missa em homenagem ao Me. Adalbert Heide em Sangradouro. Foto: MSMT

O diretor da presença salesiana missionária de Sangradouro, P. Amércio Rezende de Oliveira, comunicou aos líderes xavante da aldeia de Sangradouro o falecimento do Mestre Adalbert Heide, ocorrido em Campo Grande, poucas horas após o comunicado oficial.

Os idosos da aldeia, que conviveram com o salesiano por longos anos, pediram para que o sepultamento fosse feito em Sangradouro. Devido a algumas restrições sanitárias, isso não foi possível.

Na terça-feira (30/01) houve a missa na aldeia Sangradouro. O diretor da presença missionária, P. Amércio, presidiu a celebração na intenção do descanso eterno do Mestre Adalbert Heide. Também estiveram presentes na celebração: os salesianos Me. Altair Gonçalo Monteiro da Silva,  o Tirocinante Erivelton Marquês da Silva, P. Juan Carlos Ingunza Uscola e P. Joseph Tran Van Lich.

No final da missa, o cacique Alexandre contou aos jovens um pouco sobre o Mestre Adalber Heide, sobre sua vida e sua dedicação ao povo xavante. “Ele morou em Sangradouro muitos anos. Morou também em São Marcos e soube bem a língua do povo Xavante, fez muitas gravações, escreveu livros sobre esse povo. Sua partida deixou muita tristeza para os salesianos e para o povo Xavante”, explicou o cacique.

“O povo xavante lembra muito do mestre Adalberto como Tsa’amri, aquele que está ao lado dele”, explicou o missionário P. Joseph Tran Van Lich.