Início Instituição de Ensino Superior Mulheres serão lembradas em live sobre “Potências Femininas em Mosaico” no Unisalesiano...

Mulheres serão lembradas em live sobre “Potências Femininas em Mosaico” no Unisalesiano Araçatuba

93
0
Vector seamless pattern with multinational diverse group of women in trendy cartoon flat style.

Em comemoração ao Dia Internacional de Luta das Mulheres, 8 de março, na próxima segunda-feira, o Curso de Psicologia do UniSALESIANO irá promover a Live “Potências Femininas em Mosaico”, com a participação de mulheres com trajetórias exponenciais.

Adriana Roledo Belluzzo, Major de Polícia Militar
Mariana Reis, assistente social do TJ/SP

São elas: Adriana Roledo Belluzzo, Major de Polícia Militar, Chefe da Divisão Administrativa do CPI-10; mestre e doutora em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública pelo Centro de Altos Estudos de Segurança (CAES); Mariana Reis, assistente social do Tribunal de Justiça do Estado de SP; mestre em Serviço Social e Políticas Sociais pela Universidade Estadual de Londrina; poetisa e escritora, autora do livro “Poesia em Travessia”, publicado pelo Estúdio Aspas, e criadora de conteúdo literário no IG @sobretudolivros. E Carol Petrolini, graduada em Psicologia pela USP de Ribeirão Preto, psicóloga do Tribunal de Justiça do Estado de SP e autora dos livros: “A espera de Elen” (2018) e “A lua de Alice” (2020).

O evento será transmitido pela página do Curso de Psicologia no Facebook (evento.unisalesiano.com.br), no dia 8 de março, das 19h05 às 20h45.

Carol Petrolini, psicóloga do TJ/SP

De acordo com a Coordenadora do Curso de Psicologia, Prof.ª Mirella Justi Martins, a comunidade acadêmica também participará da live com leitura de textos, apresentação de vídeos e poesias. “Será uma noite imperdível e dedicada à representação feminina na sociedade”, explicou Mirella, que convidou alunos de todos os cursos para participarem do evento.

ONU

O Dia Internacional de Luta das Mulheres foi oficializado pela ONU (Organização das Nações Unidas), em 1975, e o dia 8 de março, em todo o mundo, se tornou  um símbolo de luta das mulheres. “Por isso, é muito importante marcar a data com reflexões sobre os sentidos de ser mulher em nossa sociedade contemporânea”, disse a a docente do Curso de Psicologia, Prof.ª Cláudia Lopes Ferreira, que também organiza o evento.

 

Monique Bueno
Departamento de Comunicação – Unisalesiano