Você está em:    Home      Artigos      “Comunicação, gestão, governo”: último artigo do P. Gildasio Mendes, da série “São Francisco de Sales Comunicador. Peregrinação interior, sabedoria na arte de comunicar”

“Comunicação, gestão, governo”: último artigo do P. Gildasio Mendes, da série “São Francisco de Sales Comunicador. Peregrinação interior, sabedoria na arte de comunicar”

24 de junho de 2022

(ANS – Roma) – No dia em que ocorre a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, devoção estreitamente ligada à figura de São Francisco de Sales, publicamos o último dos seis artigos do P. Gildasio Mendes, Conselheiro Geral para a CS, sobre o tema: “São Francisco de Sales Comunicador. Peregrinação interior, sabedoria na arte de comunicar”.

São Francisco foi um comunicador de prestigio!  Se por um lado soube acompanhar as pessoas numa relação interpessoal, ele também é um homem de visão, de diálogo, de discernimento, de escolhas e decisões, de governança! Considerando o contexto de tensão religiosa em que ele viveu, podemos dizer que ele construiu uma estratégia de comunicação organizacional e institucional porque acreditou profundamente em sua missão como homem de Deus e pastor da Igreja.

Francisco de Sales construiu uma política de comunicação que lhe permitiu edificar a unidade entre seu clero e seu povo em nível diocesano e, ao mesmo tempo, representar a Igreja Católica com um forte senso de lealdade e responsabilidade.

O Papa Bento XVI expressa esta competência espiritual e comunicativa de forma muito clara:

“Ele é um apóstolo, um pregador, um escritor, um homem de ação e oração; comprometido com a realização dos ideais do Concílio de Trento; envolvido em controvérsias e no diálogo com protestantes, experimentando cada vez mais, indo além do necessário confronto teológico, da eficácia da relação pessoal e da caridade; encarregado de missões diplomáticas em nível europeu e de tarefas sociais de mediação e reconciliação” (Bento XVI, 2 de março de 2011)

Francisco se comunicava com o grande coração de pastor e com a visão de quem se preocupa em defender a doutrina da Igreja, acompanhar seu povo, formar seu clero e criar um bom relacionamento com as pessoas da Igreja e da sociedade. Convencido da importância da arte da impressão, ele escreveu em uma carta, em italiano, dirigida ao núncio de Turim em maio de 1598, expressando a necessidade de adquirir uma prensa de impressão:

Entre outras coisas necessárias, uma delas é ter uma impressora em Anecy. Os hereges publicam livretos pestilentos a toda hora, e muitas obras católicos permanecem nas mãos dos autores por não poderem ser enviados a Lião nem contar com a conveniência de uma gráfica” (L I 337).

Durante sua vida, Francisco de Sales construiu, com sabedoria e santidade, uma visão de comunicação intrapessoal, interpessoal, comunitária e institucional em um todo unificado e conectado.  Após sua morte, sua vida e seu ensino tiveram uma enorme influência na Europa, de sua época e dos séculos seguintes, em toda a Igreja e no mundo. Santo patrono dos jornalistas e escritores, ele ainda hoje continua sendo um exemplo de comunicador em nosso universo digital e virtual.

Comments

comments

Comente!

Contato

  • +55 67 3312 6400
  • Rua Pe João Crippa, 1437
  • CEP 79002-390 - Campo Grande, MS