Início Animação Missionária Salesiano compartilha experiências e reflexões do 5° Congresso Missionário Nacional

Salesiano compartilha experiências e reflexões do 5° Congresso Missionário Nacional

273
0
5° Congresso Missinonário Nacional aconteceu em Manaus. Foto: Divulgação Assessoria.

 O 5º Congresso Missionário Nacional aconteceu em Manaus entre os dias 10 e 15 de novembro. Durante o evento houve intensas trocas de experiências entre representantes de congregações, movimentos laicais e diversas etnias, destacando-se como um evento singular para todos os envolvidos.

A participação ativa de leigos, leigas, padres, religiosos e religiosas, diáconos e 21 bispos originários de diferentes partes do Brasil marcou o encontro. Formam cerca de 800 congressistas que uniram vozes e perspectivas em prol da missão.

O salesiano P. Aquilino Tseré’ub’ôTsirui’á representou a Inspetoria Missionária Salesiana de Campo Grande, bem como os povos originários Xavante. Ele se mostrou surpreso ao receber o convite para participar do Congresso e considerou a participação bastante enriquecedora, proporcionando a oportunidade de conviver com os demais congressistas e partilhar vivências cotidianas da missão junto ao povo. “Quando começamos os trabalhos sobre o tema: “Corações ardentes, pés a caminho”, abordando a passagem bíblica (cf. Lc24.13-35), ministrada pela Ir. Zuleica Silvano, nos fez refletir que os dois que conversaram com Jesus, não eram parte dos doze, porém, tornam-se discípulos continuadores do testemunho do discipulado, tornando-se amigo, discípulo e continuador da evangelização do caminho a trilhar como Jesus ensinou aos discípulos”, revelou P. Aquilino.

A abertura do evento foi marcada por uma acolhida solene pelos originários da Amazônia, utilizando suas flautas e ritmos característicos, proporcionando uma introdução cultural única.

O segundo dia foi marcado pela Romaria dos Mártires, uma experiência de caminhada única coordenada pelo Bispo Dom Maurício da Silva Jardim e leigos. A celebração dos mártires, incluindo o P. Rodolfo Lunkeinbein e Simão Bororo, foi uma oportunidade de recordar figuras fundamentais na história da Amazônia e dos povos originários em missão.

No terceiro dia, os procedimentos do congresso continuaram destacando-se a comemoração festiva das missionárias salesianas originárias.

Destaque especial foi dado à ordenação do Padre Zenildo Lima como Bispo da região de São Gabriel da Cachoeira – AM, marcada por uma celebração emocionante, apresentações culturais e momentos festivos. “Nessa segunda passagem a Manaus, tive a oportunidade de conhecer a casa inspetorial salesiana que por sinal, fomos acolhidos pelo Ecônomo P. Francicley (originário) e o inspetor P. Jeferson, que fazia aniversário dia 11. Foi muito boa a convivência entre os irmãos salesianos”, testemunhou P. Aquilino.

O salesiano ainda expressou seu agradecimento à Inspetoria pelo apoio na participação do evento, àqueles que compartilharam a viagem, em especial ao P. Beatus Tolla, missionário salesiano que o acompanhou no congresso, destacando a experiência de convivência e a contribuição para o enriquecimento da missão. “Com o coração ardente pela missão e cheio de gratidão, agradeço a cada uma e a cada um, que nestes dias de Semana Missionária e em especial os dias do nosso Congresso Missionário Nacional, tornaram meu coração mais Missionário, por tudo quanto experimentamos juntas e juntos, neste verdadeiro ‘Ardor Missionário’ que pairou e invadiu a todas e todos. Que permaneçam em nós os ecos: ‘Corações Ardentes, Pés a Caminho’ e vamos da ‘Igreja Local aos Confins do Mundo’”, finalizou.