Início Paróquias Participação salesiana marca Assembleia Nacional do SEGUE-ME em Brasília

Participação salesiana marca Assembleia Nacional do SEGUE-ME em Brasília

177
0
26 dioceses brasileiras estiveram representadas na Assembleia Nacional do SEGUE-ME em Brasília. Foto: Reprodução Redes Sociais

A Assembleia Nacional do movimento juvenil ‘SEGUE-ME’ ocorreu em Brasília no último final de semana, de 21 a 23 de junho. O Distrito Federal foi o local do primeiro encontro do movimento há 45 anos, no Guará. A abertura da Assembleia aconteceu no Santuário Dom Bosco, com missa presidida pelo cardeal de Brasília, Dom Paulo Cezar Costa.

Participaram da Assembleia Nacional do ‘SEGUE-ME’ representantes de 26 dioceses brasileiras, incluindo Barra do Garças (MT). O pároco salesiano da Paróquia Santo Antônio, P. Slawomir (Waldomiro) Bronkowski, e o casal de jovens Bruna e Ricardo, do conselho diocesano do SEGUE-ME, representaram a diocese de Barra do Garças.

A Assembleia, realizada em um hotel-fazenda fora da cidade, começou na sexta-feira (21/06) com missa às 18 horas e credenciamento. Os trabalhos encerraram no domingo (23/06) com um almoço. Durante o evento, os participantes revisaram e aprovaram o documento nacional do Estatuto do SEGUE-ME, realizando uma análise detalhada e atualizada do texto.

Além disso, a Assembleia escolheu a diocese que sediará a 11ª edição do evento em 2025. Várias dioceses se candidataram, apresentando pequenos vídeos de dois minutos aos participantes. Após a votação, a Diocese de Barra do Garças foi escolhida para sediar o próximo encontro. A data exata ainda será definida pelo Conselho Nacional, podendo ocorrer após a Páscoa ou em junho.

P. Slawomir declarou: “Cabe a nós, Barra do Garças, preparar logística e infraestrutura para acolher os delegados, geralmente em torno de 150 pessoas. Participam de cada diocese três ou quatro delegados, o diretor espiritual diocesano, como eu, e mais dois ou três jovens escolhidos em cada diocese.”

O Cardeal Dom Paulo enfatizou na homilia de abertura da Assembleia Nacional a importância do jovem evangelizar o jovem, lembrando que tanto o Papa Paulo VI quanto João Paulo II incentivavam a participação juvenil na igreja. Segundo Dom Paulo, “a igreja será jovem se o jovem for à igreja.”

A Assembleia também ressaltou que o SEGUE-ME só pode existir onde há o Encontro de Casais com Cristo (ECC). Os casais, chamados de “tios”, apoiam e participam do SEGUE-ME, sendo considerados “filhotes do ECC”.

Em 2025, o SEGUE-ME de Campo Grande (MS) comemorará 25 anos. P. Slawomir relembrou: “Foi na minha época que implantamos o SEGUE-ME na Paróquia São João Bosco de Campo Grande, que depois se expandiu. A equipe de Goiânia nos assessorou e apadrinhou o primeiro SEGUE-ME em 2000. Fui convidado pelos jovens da Paróquia São João Bosco para participar das bodas de prata.”

Sobre a escolha de Barra do Garças para sediar a próxima Assembleia, P. Slawomir afirmou: “Para nós, é um grande prestígio. Não é apenas um momento de trabalho, mas de união e fortalecimento do SEGUE-ME e do ECC. Já estamos planejando a logística e programação para acolher os jovens.”

Em Barra do Garças, o SEGUE-ME existe apenas na Paróquia Salesiana Santo Antônio. Em 2023, a paróquia celebrou 25 anos do movimento e espera expandir para outras paróquias da diocese a partir de 2024, com o apoio do ECC.