Início Instituição de Ensino Superior Comunidade Salesiana celebra 10 anos de ordenação sacerdotal do P. Erondi Tamandaré

Comunidade Salesiana celebra 10 anos de ordenação sacerdotal do P. Erondi Tamandaré

As comemorações pelo jubileu de P. Erondi aconteceram em seis momentos distintos

165
0
Foto: Divulgação Unisalesiano

Diretor-Geral da Comunidade Salesiana de Araçatuba, que inclui a Paróquia São Francisco e Santa Clara, o UniSALESIANO e o Colégio Salesiano “Dom Luiz Lasagna”, Pe. Erondi Tamandaré, SDB, celebrou seus 10 anos de ordenação sacerdotal, no dia 1º de junho, de forma emocionante e rodeado de amigos e familiares vindos de diversas localidades do país, como de São Paulo (capital), Minas Gerais (Poços de Caldas), Mato Grosso (Cuiabá, Meruri e Rondonópolis) e Mato Grosso do Sul (Campo Grande).

Em todos os momentos celebrativos, foi fácil perceber o quanto Pe. Erondi é admirado e amado pelos seus. Isso porque ele assumiu um profundo compromisso na promoção da fé e do conhecimento, dedicando-se ao serviço da evangelização e também na área educacional.

Pe. Erondi procura, ainda, seguir o exemplo de Dom Bosco, fundador dos salesianos, estabelecendo um ambiente acolhedor e inspirador nas casas administradas por ele, em clima familiar.

A comemoração aos 10 anos de ordenação sacerdotal de Pe. Erondi se deu em, pelo menos, seis eventos: almoço na residência com padres diocesanos de Araçatuba e com os salesianos da comunidade de Lins; a festa surpresa organizada pelos colaboradores do UniSALESIANO, a Missa com a comunidade na Capela do Colégio Salesiano, e um jantar surpresa organizado por amigos, no dia 1º de junho; e, no dia 10 de junho, a Celebração Eucarística, na Paróquia Imaculada Coração de Maria, no bairro Paraíso, onde foi realizada também sua ordenação; seguida de um almoço festivo em uma estância rural.

Nas oportunidades de brindar seu jubileu sacerdotal, Pe. Erondi viveu grandes emoções após homenagens feitas por pessoas importantes em sua vida, como o Pe. João Bosco Monteiro Maciel, seu mestre de noviciado, Dom Argemiro Azevedo, Bispo da Diocese de Assis (SP), Dom Tadeu Canavarros, Bispo Auxiliar de Manaus (AM), e Dom Sérgio Krzywy, Bispo da Diocese de Araçatuba (SP).

“A vocação é um dom bom, é a bondade de Deus. Não é fácil, mas a ajuda principal é a de Deus e nela a gente se fideliza e ali estamos, apesar dos próprios limites”, disse Pe Erondi, em agradecimento.

AMOR

Já na Celebração Eucarística, presidida por Pe. Erondi e concelebrada pelos bispos Dom Argemiro, Dom Tadeu e Dom Sérgio, pelo Pe. João Bosco, e por religiosos sacerdotes claretianos e salesianos, ele ressaltou que a sabedoria é um dom precioso de Deus e importante na vida de cada um para que, através dela, possa haver o equilíbrio.

E, no almoço, ele agradeceu todos os presentes no evento que são considerados pessoas especiais em sua vida. “Eu os amo livremente e acho belo, na vocação cristã, podermos conquistar e frutificar as amizades”, completou.

Os amigos e familiares vindo de várias partes do país se sentiram acolhidos por todos e testemunharam o amor e a devoção que Pe. Erondi inspira em seu rebanho. A união e a fraternidade se tornaram visíveis em todos os momentos, transcendendo as fronteiras geográficas. “Que Deus abençoe todos vocês”, concluiu Pe. Erondi.

Monique Bueno
Analista de Comunicação