Você está em:    Home      Notícias      Dia a Dia Salesiano      Dom Bonifácio realiza sua Páscoa aos 91 anos

Dom Bonifácio realiza sua Páscoa aos 91 anos

30 de novembro de 2020

Dom Bonifácio Piccinini faleceu na noite do sábado (28.11), véspera do primeiro domingo do Advento. O arcebispo emérito de Cuiabá, de 91 anos, foi internado na manhã da terça-feira (24) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), do Hospital Santa Casa, em Cuiabá. Ele teve um mal-estar, sentindo-se fraco e com a pressão oscilando. Piccinini foi levado até o hospital para receber os atendimentos necessários. Ele precisou ficar em observação mas veio a falecer quatro dias depois.

Dom Bonifácio participou da construção de mais de 200 igrejas nos 45 anos de serviços prestados à comunidade católica de Mato Grosso. Nascido em Luiz Alves (SC), em 13 de maio de 1929 e era religioso salesiano, tendo feito os primeiros votos em 31 de janeiro de 1948. Foi ordenado sacerdote em 11 de fevereiro de 1960, tendo completado 60 anos de vida sacerdotal neste ano.

Antes de ser sagrado Bispo, foi Diretor de Estudos no Instituto Salesiano de Pedagogia e Filosofia, Lorena-SP (1960-1962); Coordenador do Departamento de Filosofia na Faculdade Salesiana de Filosofia, Ciências e Letras de Lorena-SP (1964-1970); Diretor do Instituto Salesiano de Pedagogia e Filosofia de Lorena (1971-1973); Diretor do Colégio São Manoel, em Lavrinhas-SP (1974-1975).

Recebeu a sagração episcopal em 31 de agosto de 1975, em Lavrinhas, após nomeação acontecida em 27 de junho do mesmo ano.  Foi Arcebispo Coadjutor com direito à Sucessão de Cuiabá-MT (1975-1976); Administrador Apostólico “Sede Plena” da Arquidiocese de Cuiabá-MT (1976-1981); Delegado às Conferências Episcopais Latino-americanas de Puebla (1979) e Santo Domigo (1992); Arcebispo Titular de Torres de Bizacena (1975-1981); Membro da ADESG; Arcebispo de Cuiabá-MT (1981-2004). Apresentou o pedido de renúncia ao completar 75 anos, em 2004. Seu lema era “Bonum facere parvulis (Fazer o bem aos pequeninos)”.

A arquidiocese de Cuiabá emitiu nota de pesar, manifestando que “este seu advento no Paraíso é o seu NATAL com Deus…!!! Principalmente a Arquidiocese de Cuiabá sentirá falta do seu devotamento vividos em tantos anos no nosso centro-oeste!!! Se não temos palavras para expressar o nosso pesar junto aos seus Familiares especialmente… a certeza de que a sua lembrança será sempre viva nos confortará no nosso caminhar!”, manifestou o arcebispo Dom Milton Santos, sucessor de Dom Bonifácio.

A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) manifestou, em nota, que se “solidariza com os familiares, com a arquidiocese de Cuiabá e com seu arcebispo metropolitano dom Milton Santos pelo falecimento neste sábado, dom Bonifácio Piccinini, bispo emérito da Igreja de Cuiabá.

Dom Bonifácio marcou sua vida pela solidariedade em relação aos mais pobres e sofridos, buscando viver o seu ministério de forma coerente com o lema episcopal que adotou: “fazer o bem aos pequeninos”. Agradecemos aos seus mais de 45 anos de serviços prestados à comunidade católica em Cuiabá, no Mato Grosso, e à Igreja no Centro-Oeste”, manifestou Dom Walmor Oliveira de Azevedo, Arcebispo de Belo Horizonte (MG)e presidente da CNBB.

Comments

comments

Comente!

Contato

  • +55 67 3312 6400
  • Rua Pe João Crippa, 1437
  • CEP 79002-390 - Campo Grande, MS